sábado, 16 de maio de 2009

TANGO NA 11ª VITÓRIA CONSECUTIVA FORA DE CASA

FICHA DO JOGO

(Clicar no quadro para ampliar)

Foi a equipa mais argentina do FC Porto que hoje subiu ao relvado da Trofa, onde carimbou a 11ª vitória consecutiva, fora de casa, de forma tranquila, clara e com a classe do Tetracampeão.

Jesualdo Ferreira, não contando com Helton, Fucile, Cissokho, Raúl Meireles e Lucho Gonzalez, formou uma equipa com seis jogadores argentinos, curiosamente todos os disponíveis do plantel actual (só faltou Lucho por lesão).

Os Dragões, em ritmo calmo, construiram mais uma vitória fácil onde a eficácia esteve desta vez presente tirando ao adversário qualquer hipótese de reacção.


Destaque para a dupla Lisandro Lopez e Ernesto Farías que assinaram os golos e também para Mariano Gonzalez que assistiu em dois.

Mais dois objectivos cumpridos, o de igualar António Oliveira em número de vitórias consecutivas fora de casa e o de tornar campeões os dois atletas que ainda não tinham jogado qualquer minuto deste campeonato: Stepanov e Ventura.

E a festa continua...






3 comentários:

dragao vila pouca disse...

Não vi o jogo todo e por isso não posse dizer muito. Mas pelo que vi e ouvi depois, foi um Porto, que apesar de ter sido Campeão na semana anterior, e, merecidamente ter festejado, conseguiu ser sério, competente, profissional e mostrou as razões, porque domina o futebol português.

Lisandro - que golo o seu 2º e 3º do F.C.Porto!!! - está a acabar a época em grande forma. Farías na área é mortífero e Mariano de patinho feio a jogador fundamental, foi apenas um pequeno passo. Da mais elementar justiça, a titularidade do Stepanov, que mesmo nunca jogando, foi sempre um profissional de mão cheia.

Domingo a festa vai ser de arromba!
Antes disso, logo lá estarei no Andebol.

Um abraço

The Blue One disse...

Quanto ao jogo da Trofa, para te ser sincero estava com a ideia de que o FC Porto iria facilitar, mas os "reservas" mostraram precisamente o contrário frente a um Trofense que é mesmo muito fraquinho... Nem sei como é que uma equipa destas joga na Primeira Liga Portuguesa.

Foi um jogo que serviu para o Porto "mostrar" alguns dos seus futuros dispensados e estes estiveram muito bem. Como sempre o Dragão vai voltar a fazer bons negócios com as vendas do final de época.

Dragaopentacampeao, Jesualdo já renovou.

Saudações Portistas!!!

Não é Portista quem quer, só é Portista quem pode

ninja disse...

Excelente jogo mesmo com muitas alterações. Como dizes o tango esteve em grande classe. Onze vitórias consecutivas fora é um feito enorme.

Abraços