quinta-feira, 19 de novembro de 2009

PARADA DE ESTRELAS

CUSTÓDIO PINTO representou o FC Porto da época de 1961/62 a 1970/71. Começou por jogar a médio, mas José Maria Pedroto descobriu-lhe talento para avançado, lugar que ocupou nos últimos anos da sua carreira, conseguindo belos golos de cabeça que lhe valeram o epíteto de «cabecinha de ouro».

Disputou 242 jogos no campeonato, marcando 80 golos. Foi capitão da equipa durante alguns anos e nessa condição coube-lhe erguer a Taça de Portugal conquistada em 1967/68, o único título do longo jejum de 19 anos.
Vestiu a camisola da Seleccção Nacional por treze vezes, estreando-se contra a Suíça num jogo amigável que Portugal perdeu por 2-3. Fez parte da Selecção dos «Magriços» mas apenas foi utilizado contra a Roménia, precisamente o último jogo da fase de qualificação para a fase final em Inglaterra, onde esteve com a camisola 19, não lhe tendo sido dada a oportunidade de se estrear. Ainda participou num Portugal-Grécia, a 4 de Maio de 1969, a contar para o apuramento do Mundial de 1970.

Terminada a carreira de futebolista, ainda foi treinador dos juniores do FC Porto.

2 comentários:

dragao vila pouca disse...

Um excelente avançado centro, mas que teve, tal como outros, azar de jogar num período que o F.C.Porto ganhava muito pouco...Gomes que veio alguns anos depois, tinha muitas semelhanças com C.Pinto na forma como se movimentava, mas principalmente, pelo bom jogo de cabeça.

Um abraço

AZUL DRAGÃO disse...

Lembro-me de lhe chamarem "cabecinha de ouro" .


Um abraço