terça-feira, 16 de fevereiro de 2010

CONTADOR DA POUCA VERGONHA

O direito à indignação determinou que tomasse a iniciativa de colocar um contador para assinalar a grave injustiça de que estão a ser alvos dois atletas do FC Porto, Hulk e Sapunaru, por terem respondido às provocações preparadas pelo terrorismo vermelho, no antro em que transformou o túnel da Luz.

A prepotência do aprendiz de justiceiro transformou um acto de justiça nesta palhaçada digna de País de terceiro mundo

Enquanto isto, as cenas ocorridas no aeroporto, no passado dia 6 de Fevereiro, entre o Seleccionador Nacional de Futebol e o assessor da Fifa, Jorge Baptista, ambos agentes desportivos em funções oficiais, relembro que se dirigiam com destino à Polónia a fim de acompanharem o sorteio da fase preliminar para o Campeonato da Europa 2012, teve da parte das entidades responsáveis uma outra leitura.

É a verdade desportiva vermelha em todo o seu esplendor!

4 comentários:

The Blue One disse...

Eu nunca ligo ás Arbitragens, mas o que aconteceu em Matosinhos foi demais e mostra que se este ano o Benfica for Campeão não será por seu mérito, mas sim porque o empurraram para tal.

Esta "coisa" de nome Paixão viu o lance e sabia muito bem que era GP. Não marcou porque não lhe apeteceu ou porque anda com peninha do Benfica.

Custa-me dizer isto, mas já não acredito no Penta, porque é demais tanta perseguição ao FC Porto.

Aimar simula uma GP e leva uma palmadinha nas costas (multa) e um não voltes a fazer. O Lizandro, que já nem está nas fileiras do FC Porto, leva uma multa e uma suspemsão inédita por ter simulado uma GP.

O Javi Garcia leva um Sumaríssimo, o Benfica recorre e este faz 3 jogos seguidos sem sequer ser suspenso e Hulk está há 3 meses suspenso o que é o mesmo que dizer 12 jogos da Liga Sagres...

Porque motivo a SAD fez tanta asneira no inicio da temporada?

Agora temos de aturar os morcôes de vermelho que querem ganhar mesmo que o Campeonato seja gamado á força toda para eles serem felizes.

Venha a Europa, pois ai ainda dão valor ao Dragão ao contrário deste Portugal que cada vez mais se assemelha a um qualquer Circo onde os Mafiosos de Vermelho abundam e mandam.

Grande abraço e saudações Portistas!!!

AZUL DRAGÃO disse...

Meu caro :

Não são apenas tiques
(somos mesmo do Terceiro Mundo).
Só pode !


Um abraço

GdI disse...

Esta noite, tivemos um sonho colectivo. Vários de nós descreveram o mesmo sonho. Incrível como é que se pode sonhar o mesmo em cabeças diferentes. Vamos contá-lo na 1ªpessoa.

Eu sonhei que a união de todos os portistas, portuenses, tripeiros atingiu o auge após a roubalheira do Estádio do Mar. Foi convocada uma vigília para a porta da Liga – para o dia 23 de Fevereiro (3ªfeira). Milhares e milhares de indefectíveis do nosso clube fizeram turnos para demonstrar “ordeiramente” a revolta que nos invadiu no decorrer desta época. Penaltis, castigos, golos anulados, tudo a favor do andor.

Também sonhei que o Bruno Paixão foi “aconselhado” a ir à Multiópticas. Ela lá aceitou e fez um tratamento para ver ao perto. O problema é que mais tarde descobri que o tratamento tinha sido patrocinado pelo SLB. O mesmo aconteceu a outros hábitos, p.e., Rui Costa, Elmano Santos, Lucilio Baptista, João Ferreira, and so on!

Sonhei que o ambiente de “orelhas quentes” das Antas foi adoptado pelo Dragão.

Sonhei que o Hulk, regressou do castigo, após 13 jogos sem jogar e que o Mágico Porto foi ressarcido dos prejuízos que daí advieram.

Sonhei que começamos a fazer as coisas por outro lado.

Sonhei que Jesualdo Ferreira não foi deixado sozinho a enfrentar a ira, frustração e provocações da Comunicação Social.

Sonhei que o FCP convocou uma conferência de imprensa onde mostrou as imagens dos jogos em que foi prejudicado vs jogos em que os milhafres foram beneficiados.

Sonhei que o Ricardo Costa começou a fazer as reuniões do CD no sede no Porto. Sonhei que o Ricardo Costa começou a sair à rua no Porto.

Sonhei – como foi referido no inicio – que adeptos, blogues, claques, anónimos fizeram uma vigília espontânea à Porta da Liga. Sonhei que tochas foram acesas, bandeiras levantadas bem alto, cânticos direccionados, aberturas de telejornais, capas de pasquins, directos das rádios.

Tudo isto em prol do nosso clube. Num mega-movimento sem precedentes.

No final disto tudo, fomos pentacampeões! Mais uma vez! Porque ousamos mexer com os poderes instalados e confrontá-los com a descarada roubalheira que nos oferecem todos os fim-de-semana.

Uma vez que isto foi um sonho colectivo, passamos agora a palavra para quem tem voz. É a vez das Claques (enormes no apoio ao FCP), Rui Moreira, Pôncio Monteiro, Rui Fernando Rio, Manuel Serrão, Miguel Sousa Tavares, Guilherme Aguiar, Labaredas, etc… comunicarem e divulgarem este sonho a todos os que amam o FCP. Todos os que tiverem os seus contactos, p.f., façam-lhes chegar este “sonho”.

Foi um sonho? Uma premonição? Será uma realidade futura? Aguardamos novos desenvolvimentos…

Nota: Por incrível que pareça, acabou de nos chegar ao email um cartaz sobre uma vigília a realizar no próximo dia 23 de Fevereiro à Porta da Liga (Porto). Assim que pudermos, colocaremos o cartaz online.

Nota 2: Tudo o que atrás foi escrito não passou de um sonho. Qualquer semelhança com uma realidade futura é pura coincidência!

GdI

PS: Leiam o seguinte post.Vale a pena!
http://maisportista.blogspot.com/2010/02/muy-nobre-sempre-leal-e-invicta-cidade.html

dragao vila pouca disse...

Meu caro, não há limites para a pouca vergonha. Há quem diga que o teu contador só vai parar no dia 4 de Maio, dois dias depois do Porto/clube do regime.

Um abraço